terça-feira, 7 de agosto de 2012

Medicina veterinária especializada auxilia na prevenção e diagnóstico precoce de doenças

14:45

Foto: Josoé de Carvalho/Agência Londrix
Fisioterapia para animais é uma das especialidades oferecidas no Pet Center Londrina
Que os animais trazem muita alegria para seus donos todo mundo sabe. Amigos de todas as horas, companheiros de verdade, membros da família, os bichos podem contribuir para nosso bem-estar psicológico e ainda ajudar na prevenção e auxílio no tratamento de algumas doenças. Mas para que os pets façam bem para nós, é necessário que eles também estejam bem. E é aí que entra a medicina veterinária especializada. Como na medicina humana, as especialidades médicas auxiliam na prevenção e diagnóstico precoce de doenças nos animais de estimação. “Cada espécie tem as suas particularidades. Quanto mais você se especializa, mais fácil fica diagnosticá-los e tratá-los, oferecendo, desta forma, um serviço de qualidade”, ressalta Maíra Melussi, veterinária especialista em fisioterapia e neurologia veterinária.

De acordo com a profissional, os centros de medicina veterinária especializada são comuns nas grandes cidades, mas aqui em Londrina a maioria das pessoas leva o seu animalzinho ao um clínico geral que, se não consegue tratar, encaminha o paciente a um veterinário especialista. No Pet Center Londrina, onde Maíra atua, todos os veterinários são especialistas, cada um dedicado a uma área, como anestesiologia, cardiologia, endocrinologia, fisioterapia, dermatologia, neurologia, ortopedia e oftalmologia. “Doenças da coluna, hérnia de disco, epilepsia, tumores cerebrais, cardiopatias e diabetes são as patologias mais tratadas na clínica veterinária”, pontua a profissional.

Visitas periódicas ao veterinário e check-ups a partir dos cinco anos nas raças maiores e sete nas menores são algumas das orientações para que o pet se desenvolva de maneira saudável. “Atualmente, os animais de estimação estão mais próximos do ser humano, se alimentam melhor, e para que vivam cada vez mais precisam de check-ups, pois da mesma forma que a pessoa idosa começa a ter doenças, eles também podem desenvolver câncer, problemas nos rins e coração”, exemplifica Maíra. Segundo a profissional, alterações no apetite e na ingestão de líquidos, perda de peso e comportamento mais triste e amuado sinalizam que o animalzinho não está bem.

Cuidados básicos com os pets:
  • Manter o calendário de vacinação em dia;
  • Oferecer ração balanceada (evitar comida e petiscos para cães);
  • Escovar diariamente os dentes com escova e pasta especial para animais. (Se possível começar com a escovação do animal ainda filhote para que se acostume);
  • Visitar periodicamente o veterinário;
  • Evitar o livre acesso à rua;
  • Dar muito carinho e atenção


Texto: Caroline Vicentini - Londrix Comunicação

Written by

We are Creative Blogger Theme Wavers which provides user friendly, effective and easy to use themes. Each support has free and providing HD support screen casting.

0 comentários:

 

© 2013 Espaço VetZoo. All rights resevered. Designed by Templateism

Back To Top